Já falamos aqui no nosso blog sobre como funciona um sistema de Portaria Remota e agora vamos entrar mais afundo em uma nova tecnologia deste sistema de segurança para uma portaria sem porteiro, o reconhecimento facial.

O rosto humano, apesar das diferenças de pessoa para pessoa, possui pontos básicos que não se alteram, lidas pelos aplicativos como pontos em comum.

Ao utilizar logaritmos e um software que mapeiam esse padrão nas pessoas, é possível registrar no sistema a face do usuário o e salvá-la em um banco de dados que só libera o acesso quando encontra o rosto cadastrado.

Seria o fim das senhas e chaves?

O reconhecimento do rosto pode ter uma utilidade bastante interessante: servir de substituto da senha ou da impressão digital.

Em um condomínio com este sistema, fica muito mais fácil, rápido e seguro ter seu rosto lido pela portaria remota enquanto você está na calçada e quer entrar no seu condominio, do que ter que parar em frente a portaria e procurar sua chave ou tag de liberação no bolso, mochila ou bolsa.

Vale lembrar que de nada adianta todo o investimento em segurança, seja tecnológico ou de pessoal, se os moradores não cooperarem. Por exemplo, deixar a portaria aberta ou permitir a entrada de estranhos, assim como liberar a entrada de veículos sem ver quem está dentro são atos que colocam os moradores em risco.

Conheça a PORTARIA REMOTA da New Line que conta com estes e mais benefícios.

portaria remota newline